Home Bem-estar Saúde Cremes com testosterona: contato pele a pele pode prejudicar crianças

Cremes com testosterona: contato pele a pele pode prejudicar crianças

6 min de leitura
0
0

Esse é um alerta importante para pais e mães que estejam fazendo uso de cremes com testosterona (ou outro hormônio masculino), seja com ou sem indicação médica:

Cremes com testosterona: contato pele a pele pode prejudicar crianças

Muito cuidado com esse uso, a quantidade e o local onde está sendo aplicado. O contato da sua pele com a pele de uma criança, num simples abraço recorrente – caso de quem aplica o creme na parte interna do braço por exemplo – faz com que haja absorção desses hormônios no organismo da criança e ela poderá sofrer consequências muito deletérias na saúde”, alerta Dr. Sonir Antonini, endocrinologista da diretoria da Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia Regional São Paulo (SBEM-SP).

O endocrinologista explica que haverá excesso de hormônios masculinos nas crianças e entre os sinais estão:

  • Mudança de comportamento com irritabilidade fora do padrão habitual;
  • Desenvolvimento de pelos pubianos;
  • Cheiro e odor axilar bem antes do momento correto da puberdade (entre 9 e 10 anos da idade);
  • Aumento do pênis ou clitóris;
  • Crescimento acelerado.

“Isso tem sido cada vez mais frequente nos consultórios: na primeira conversa com os pais é negado o uso destas medicações, principalmente quando o uso é feito sem prescrição médica. Muitas vezes o cônjuge ou parceiro sequer sabe desse uso. Isso dificulta muito nossa investigação médica e essas crianças acabam sendo submetidas a exames de sangue repetidos, a tomografias e ressonâncias para depois chegarmos à conclusão da exposição precoce a esses cremes com hormônios”, conta o endocrinologista.

A reposição hormonal só deve ser feita mediante indicação de um endocrinologista, que saberá orientar as reais necessidades dessa reposição, bem como de que forma fazê-la e o local onde deve ser aplicada para que não haja interferência no contato pele a pele, principalmente, com as crianças.

 

Puberdade precoce – quando ocorre antes da idade considerada normal, a virilização de genitais e demais características da puberdade, como odor axilar e crescimento de pelos, pode trazer consequências emocionais e psicológicas muito severas nas crianças. É importante que pais, mães e cuidadores estejam atentos aos sinais.

 

Sobre a SBEM-SP

A SBEM-SP (Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia do Estado de São Paulo) pratica a defesa da Endocrinologia, em conjunto com outras entidades médicas, e oferece aos seus associados oportunidades de aprimoramento técnico e científico. Consciente de sua responsabilidade social, a SBEM-SP presta consultoria junto à Secretaria de Saúde do Estado de São Paulo, no desenvolvimento de estratégias de atendimento e na padronização de procedimentos em Endocrinologia, e divulga ao público orientações básicas sobre as principais doenças tratadas pelos endocrinologistas.

Carregar mais posts relacionados
Carregar mais em Saúde

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *