Home Bem-estar Cuidados com os olhos durante o verão

Cuidados com os olhos durante o verão

8 min de leitura
0
0

Andar de óculos escuros é uma proteção a mais contra os raios UVA e UVB que são prejudiciais à saúde

Todo mundo já sabe, o verão é a estação mais quente do ano e, por isso, requer cuidados redobrados.

Mas além de manter o corpo hidratado para compensar a perda de líquido pelo suor e proteger a pele dos malefícios de uma superexposição ao sol, é preciso estar atento a outra parte do corpo: os olhos.

O cuidado é para todos, mas principalmente para crianças e idosos.

“A exposição dos olhos aos raios solares tem efeito cumulativo e pode contribuir para o desenvolvimento de uma série de doenças degenerativas, como a catarata e a degeneração macular relacionada à idade. Além disso, pode provocar queimaduras no olho e aumenta o risco de câncer de pele nas pálpebras”, explica o oftalmologista, Dr. Gláucio Bressanim.

Uma boa dica é, além de levar sempre uma garrafa de água e um protetor solar na bolsa, incluir os óculos escuros. E claro, sempre que estiver exposto ao sol utilizar o acessório, que é uma proteção a mais contra os raios UVA e UVB, prejudiciais à saúde.

“Mas é importante escolher um óculos adequado.O recomendado é adquirir em lojas especializadas que garantam que a lente tenha passado por tratamentos específicos, para que esteja protegido dos raios UV e evite as lesões causadas pelo sol”, complementa Bressanim.


Atenção Especial à Qualidade da Água

No entanto, o sol não é o único vilão da saúde ocular no Verão. O calor faz com que as pessoas procurem atividades de lazer em contato com a água, seja em piscinas, mares, lagos ou rios.

Nesses casos é importante estar atento à qualidade da água, já que quando contaminada pode trazer riscos aos olhos.

Doenças infecciosas como: conjuntivite e a ceratite são alguns exemplos, conforme destaca o Dr. Gláucio Bressanim.

“As doenças infecciosas podem ser facilmente contraídas. A conjuntivite pode ser causada por vírus, bactéria ou alergia. Deve-se ficar atento, já que os sintomas podem variar de acordo com o tipo. Em todos eles, a vermelhidão nos olhos é aparente. Já a ceratite é uma inflamação da córnea que pode ser infecciosa ou mesmo causada pelos raios solares, denominada fotoceratite”.

Mas seja no verão, ou em qualquer outra estação, a melhor opção é sempre a prevenção. No caso de detecção de algum sintoma nos olhos, o indicado é procurar rapidamente a ajuda de um especialista.


Hospital da Visão de Toledo

O Hospital da Visão de Toledo (HVT) oferece atendimento em oftalmologia geral, clínico e cirúrgico, com ênfase em cirurgia do segmento anterior, como catarata, e alguns procedimentos do segmento posterior do olho, como aplicações de medicamentos e fotocoagulação a laser. A unidade médica conta com três oftalmologistas independentes e atende de forma particular e/ou por meio de convênios, como UNIMED, SerPrati e o Sistema Nacional de Atendimento Médico (Sinam).

Sobre Doutor Gláucio Bressanim

Gláucio Bressanim é graduado em Medicina pela Universidade Estadual de Londrina (UEL), onde também fez residência entre 2004 e 2007. É especialista em inflamação intraocular (Uveíte) pela Escola Paulista de Medicina (UNIFESP) e em Retina e Vítreo pela Universidade de São Paulo (USP). Atua no Instituto da Visão de Cascavel desde 2009 e desde 2011 atende também no Hospital da Visão de Toledo.


Recomendados


Comentário(s)

Carregar mais posts relacionados
Carregar mais em Bem-estar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja Também

6 motivos para não ter medo da cirurgia de transplante de córnea

De acordo com um levantamento do New York Times, as pessoas consideram perder a vis&a…