Home Bem-estar Saúde Dia Nacional da Saúde alerta para cuidados no dia a dia

Dia Nacional da Saúde alerta para cuidados no dia a dia

4 min de leitura
0
0

A data é comemorada em 05 de agosto e entra no calendário anual para lembrar as pessoas da importância dos cuidados com a saúde no dia a dia.

Dia Nacional da Saúde alerta

Alimentação saudável, prática constante de exercícios físicos e check-up anual devem fazer parte de um pacote de medidas para combater, principalmente, uma doença silenciosa, o acidente vascular cerebral, mais conhecido como AVC ou derrame.

De acordo com o Ministério da Saúde, essa doença atinge 16 milhões de pessoas anualmente, sendo a segunda principal causa de morte no país, com 68 mil casos todos os anos.

O derrame ocorre quando há obstrução (AVC isquêmico) ou rompimento das artérias (AVC hemorrágico) que levam o sangue para o cérebro; o que pode trazer sequelas importantes para o paciente.

Nos casos de perda da coordenação motora ou paralisia parcial do corpo, a hidroterapia tem se mostrado muito eficiente. Com exercícios de fortalecimento, alongamento, treino de equilíbrio e estímulos à sensibilidade, a atividade contribui para o rápido restabelecimento de quem foi afetado pelo AVC.

De acordo com o fisioterapeuta Rogério Celso Ferreira, diretor clínico da Fisior Hidroterapia, em Belo Horizonte (MG), a hidroterapia vem sendo um recurso importante na reabilitação dos pacientes vítimas de AVC.

“A fisioterapia na água ajuda a restauração da confiança do paciente em relação aos seus movimentos, já que ela proporciona mais segurança para o deslocamento, além do fato de que cada exercício praticado na piscina oferece resistência até 60 vezes maior que os realizados no ar, induzindo também um fortalecimento da musculatura”, destaca o especialista.

Alguns dos principais sinais e sintomas do AVC

  • Fraqueza de membros
  • Alterações visuais
  • Formigamento da pele do rosto e do corpo
  • Dificuldade para caminhar
  • Alterações na fala
  • Tonteiras e/ou vertigens

O fisioterapeuta lembra ainda que a melhor forma de evitar danos sérios causados pelo AVC é o rápido diagnóstico da doença, o pronto atendimento do paciente quando ocorrer o derrame e, claro, como fator de prevenção, fazer periodicamente o check-up médico e manter hábitos saudáveis.

Sobre o especialista
Rogério Celso Ferreira é fisioterapeuta formado pela UFMG, com mais de 20 anos de experiência profissional. Trabalhou no Hospital Sarah em Brasília (DF) e Salvador (BA), atuando com reabilitação ortopédica, traumatológica e neurológica. Proprietário e fisioterapeuta da Fisior Hidroterapia, em Belo Horizonte (MG); professor dos cursos de Fisioterapia e Educação Física da Universidade Salgado de Oliveira – UNIVERSO; e fisioterapeuta da Rede Fhemig.


Publicidade


Carregar mais posts relacionados
Carregar mais em Saúde

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja Também

Fisioterapia aquática: alívio para quem sofre com o reumatismo

Muitos acreditam que o reumatismo pode surgir com o passar dos anos e com a chegada da ter…