Home Consciência O que NÃO é espiritualidade

O que NÃO é espiritualidade

13 min de leitura
0
0

Um alerta ao buscador sincero

JP Sears é um YouTuber americano, comediante, life coach que produz vídeos satíricos sobre espiritualidade
JP Sears é um YouTuber americano, comediante, life coach que produz vídeos satíricos 

 

Ao longo de alguns anos buscando, alguns pontos se destacam: 

Espiritualidade não é um meio

Sendo bem direta, espiritualidade não é nada que se pareça com um meio para se atingir algo nessa realidade material. Entendendo isso pura e simplesmente já daria para descartar meio mundo de pseudo-espiritualidade. Mas deixe-me tentar detalhar melhor. 

Espiritualidade não é um meio para se atingir um resultado material, nem físico, nem psicológico. O que isso significa? Isso significa que espiritualidade não é nenhuma técnica, nenhum método e nenhuma terapia. Toda ferramenta que você utiliza para obter bem-estar psicológico, físico, conforto material e até mesmo o autoconhecimento, isso tudo podem ser ferramentas muito válidas no processo de autodesenvolvimento humano, e até mesmo pré-requisitos para o caminho espiritual, mas isso ainda não é espiritualidade. 

No início da década de 1980, o psicólogo John Welwood cunhou o termo “desvio espiritual” para se referir ao uso de práticas e crenças espirituais para evitar o confronto de sentimentos desconfortáveis, feridas não resolvidas e necessidades emocionais e psicológicas fundamentais.

 

Existem por aí, um punhado de pseudo-espiritualidade ou pseudo-ciência misturada com misticismo –  e poderia citar uma meia dúzia deles – coisas do tipo “tive uma experiência sobrenatural e desenvolvi um método”. Há muita bobagem por aí, floreada com palavras difíceis e bonitas, sendo vendida. 

A espiritualidade não tem nada a ver com provocar mudanças na realidade. Não tem nada a ver com ‘manifestar a vida dos seus sonhos’ ou ‘co-criar com o universo’.  Ainda assim, quando se atinge essa nova dimensão, a sua vida e toda a realidade material são transformadas.

Simplesmente, não chame de espiritual o que não passa de ilusão para confortar o ego. 

Muitos acham que descobriram métodos e processos quando, na verdade, apenas ignoram conhecimentos milenares que já o fizeram. E outros, ainda pior, pegam um pouco de cada sabedoria antiga, fazem uma salada e apresentam com uma cara nova. Sim, e há bastante gente comprando essas ideias. 

Aí chegamos em outro ponto: 

 

Espiritualidade não se compra, nem se vende

Você pode comprar aulas de meditação, de yoga, de teologia, de filosofia, de cabalá, de astrologia, do que for. Isso te dará conhecimento, porém nada disso é espiritualidade. 

Perguntaram para a Peregrina da Paz:  Por que você não aceita dinheiro?

Peregrina da Paz: Porque eu falo sobre a verdade espiritual, e a verdade espiritual nunca deve ser vendida – aqueles que a vendem prejudicam a si mesmos espiritualmente. Aceito dinheiro que chega pelo correio (sem ser solicitado), mas não o uso para mim; Eu o uso para impressão e postagem. Aqueles que tentam comprar a verdade espiritual estão tentando obtê-la antes de estarem prontos. Neste universo maravilhosamente bem ordenado, quando eles estiverem prontos, ela lhe será dada.


Veja, as pessoas comercializam produtos e subprodutos provenientes de ensinamentos espirituais: livros, palestras, retiros, aulas. Não estou aqui para julgar quem faz disso um negócio, ou mesmo se é certo ou errado. Por outro lado, também não esperaria tomar o tempo de alguém sem nada oferecer em troca. É preciso bom senso. Use isso como parâmetro, perceba os sinais de abuso ou distorções.

Se você ficar em dúvida, comece pelos clássicos. Você encontrará toda a base necessária nos principais livros sagrados. E não se preocupe, espiritualidade é a única coisa que não pode ser dada e nem tirada de você por ninguém. 

Você mesmo deve se esforçar.
Os Budas apenas apontam o caminho.
Dhammapada

 

Eu fico imaginando os grandes mestres e gurus do passado criando um método, carimbando com uma “marca registrada” e vendendo em formato de curso… 


A espiritualidade não tira você de seu centro e nem faz de você o centro da sua vida

Tenha cuidado, no seu caminho para espiritualidade você irá se deparar com coisas inofensivas, pessoas que vão se dispor a guiar ainda sem enxergar direito. Mas, ao mesmo tempo, lembre-se que sempre existiram seitas, cultos e professores mal intencionados que só causaram danos a quem os seguiu. 

Para encontrar a verdadeira espiritualidade não é necessário remover o pensamento crítico. Pelo contrário, você precisará muito dele até crescer em seu discernimento.

De acordo com o psicoterapeuta integral Robert Augustus Masters, o desvio espiritual faz com que nos afastemos de nós mesmos e dos outros, nos escondendo atrás de uma espécie de véu espiritual de crenças e práticas metafísicas. Ele diz que “não apenas nos distancia de nossa dor e questões pessoais difíceis, mas também de nossa própria espiritualidade autêntica, deixando-nos em um limbo metafísico, uma zona de gentileza e bondade exageradas, e superficialidade.

Lembre-se ainda que, se você tira o Divino do centro e coloca o homem no Seu lugar, não vá depois se queixar com Ele de que as coisas não andam bem para você. Isso significa que, se você está se colocando no centro –  “são os meus desejos, os meus projetos, os meus sonhos e a minha vontade em primeiro lugar” – ou ainda colocando um terceiro no centro de sua vida – seguindo cegamente o novo guru da moda – fica estreito o espaço para alguma ordem superior ou espiritualidade genuína entrar em sua vida. 

Chegai-vos a Deus, e ele se chegará a vós. Limpai as mãos, pecadores; e, vós de duplo ânimo, purificai o coração.
Tiago 4:8

 

A espiritualidade não é hype ou modinha

Não queira medir espiritualidade com dados estatísticos comparativos – “tá todo mundo falando disso”, “mas ele/ela tem trocentos mil seguidores no instagram”, “ele/ela está na lista de best-sellers do New York Times”. Não se engane por métricas, muitas vezes os melhores ensinamentos e insights virão de pessoas e recantos desconhecidos e conversas despretensiosas. Há mais trabalho genuíno sendo feito pelo despertar espiritual longe dos holofotes e grandes números do que se possa imaginar.

Sobretudo, em minha busca desconfio de tudo que se apresenta “em massa”. Prefiro o “feito à mão” ao produzido em larga escala para grandes audiências – mas isso não é uma regra, estou sempre atenta a identificar a verdade seja lá de que forma ela se apresente. 

Mas ponham à prova todas as coisas e fiquem com o que é bom. 
1 Tessalonicenses 5:21

Por fim, e não menos importante, saiba que para todo caminho verdadeiro ou conhecimento legítimo há o correspondente dele na sombra. Ou seja, você irá se deparar com algo muito similar, repleto de mentiras e ideologias maquiadas com meias verdades convincentes o suficiente para te enganar e que te deixarão na dúvida até mesmo da verdade já encontrada. Persista: para encontrar diamantes é preciso remover um monte de sujeira.

Mas, se andarmos na luz, como ele na luz está, temos comunhão uns com os outros, e o sangue de Jesus Cristo, seu Filho, nos purifica de todo pecado.
1 João 1:7

 

Texto de Sah Elizabeth. Esse texto pode ser republicado e compartilhado desde que mantidas a autoria e referências originais.  


Recomendados

livros recomendados - lista amazon
Carregar mais posts relacionados
Carregar mais em Consciência

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja Também

Anthony de Mello: Você não é sua depressão

A razão de você sofrer de depressão e ansiedade é que você se identifica com elas. Você di…