Home Bem-estar Saúde Os benefícios da terapia aquática no tratamento da enxaqueca

Os benefícios da terapia aquática no tratamento da enxaqueca

4 min de leitura
0
0

A enxaqueca é uma dor de cabeça incapacitante que ocorre apenas em um dos lados da cabeça. Esta doença atinge aproximadamente 15% da população brasileira, de acordo com dados do hospital Israelita Albert Einstein. No entanto, um estudo aprofundado com dados preocupantes revelados pela Organização Mundial da Saúde (OMS) revelou que este mal atinge atualmente 90% da população mundial, sendo que, deste montante, apenas 10% são homens, ou seja, é uma doença predominantemente feminina.

enxaqueca-1013520_640

Entre o corpo clínico da saúde é unanimidade, alguns hábitos de nossa rotina influenciam diretamente no surgimento e frequência de crises em pessoas que já possuem a doença. O tabagismo e o consumo excessivo de álcool são os principais agravantes desta enfermidade. Segundo o fisioterapeuta Rogério Celso Ferreira, diretor clínico da Fisior Hidroterapia, em Belo Horizonte (MG), a utilização da hidroterapia tem gerado excelentes resultados no combate aos sintomas e crises de enxaquecas em seus pacientes.

“A hidroterapia concilia exercícios de fisioterapia com a prática de atividades dentro da água. Isso permite ao paciente se exercitar sem exigir esforços musculares tão elevados quanto aqueles de uma atividade de musculação. A terapia também contribui para o estado de relaxamento muscular e mental do praticante de modo a promover uma sensação de bem estar, o que auxilia no alívio das dores localizadas na cabeça”, destaca o especialista.

O fisioterapeuta ainda alerta para a importância da combinação com o tratamento tradicional clínico, com prescrição de medicamentos específicos, já que em alguns casos o mal pode ser controlado com uso de analgésicos; em muitos casos com acompanhamentos periódicos por toda a vida da pessoa.

Alguns dos principais sintomas da enxaqueca:

  • Intolerância a odores fortes
  • Visão turva
  • Náuseas
  • Dor latejante em uma parte da cabeça
  • Alteração na pressão sanguínea
  • Sensibilidade à luz

Recomendados


Comentário(s)

Carregar mais posts relacionados
Carregar mais em Saúde

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja Também

Fisioterapia aquática: alívio para quem sofre com o reumatismo

Muitos acreditam que o reumatismo pode surgir com o passar dos anos e com a chegada da ter…