Home Inspirados Yoga do Riso ou Hasya Yoga

Yoga do Riso ou Hasya Yoga

5 min de leitura
0
0

Anualmente, desde 1998, todo primeiro domingo de maio é dia de comemorar o Dia Mundial da Gargalhada.

Bem, essa história começou em março de 1995, em Mumbai, Índia, com o médico indiano Madan Kataria convidando pessoas que passavam em uma praça da cidade para gargalhar junto com ele.

Com o passar dos meses, Madan Kataria aperfeiçoou as técnicas de respiração e introduziu as posturas (pranayamas e os asanas) do Yoga, adaptando-as para formarem seqüências harmônicas com a finalidade de simularem uma boa gargalhada.

Ele conta um pouco dessa história para vocês. Dêem uma olhada:

Segundo ele:

“Essa prática do riso passa progressivamente de um exercício de sons ho ho, ha ha para outros tipos de risadas simuladas. É o que chamo de meu ‘coquetel de risadas’.”

Cada risada é mantida pelo tempo médio de 45 segundos e é seguida de exercícios de respiração profunda e de alongamentos.

O Hasya Yoga (em sânscrito, Hasya quer dizer gargalhar) ou a Yoga do Riso é um movimento global em busca da saúde, da felicidade, da paz no mundo e do resgate à fonte do riso.

Ela une os planos físico, mental e emocional, incentivando o riso sem motivo.

A Yoga do Riso foi concebida para ser praticada em grupos com vários participantes, porque a motivação é muito maior e compartilhar esses momentos de alegria pode fazer toda a diferença para se alcançar melhores resultados.

Atualmente, existem cerca de 1800 clubes de Hasya Yoga espalhados pelo mundo.

“Rir nesses clubes do riso é a forma mais pura de dar risada, porque não há nenhum motivo especial para que isso aconteça. Não é um riso dirigido aos outros, mas sim a nós mesmos, pois aprendemos a rir de nós mesmos”, diz Kataria.

No Brasil, o primeiro Clube do Riso foi fundado em Belo Horizonte, em maio de 2004, pela doutora Úrsula Kirchner e a professora Mari Tereza Vieira.

Benefícios da prática regular do Yoga do Riso

  • Tonifica a musculatura abdominal e o sistema digestivo;
  • Estimula a circulação sanguínea pelo aumento dos batimentos cardíacos;
  • Tonifica o sistema respiratório, expandindo a capacidade dos pulmões, devido à maior absorção do prana (energia vital);
  • Combate ao estresse;
  • Fortalece o sistema imunológico;
  • Alivia dores, através da liberação de endorfinas.
  • Aumenta a criatividade;
  • Aumenta a auto-estima e a autoconfiança;
  • Rejuvenesce e revitaliza;

Contra-indicações

  • Cirurgias recentes;
  • Pressão alta sem controle;
  • Hérnia de disco, hérnias epigástricas, hérnias inguinais, umbilicais;
  • Hemorróidas em estágio avançado;
  • Prolapso uterovaginal (a pessoa urina ao espirrar ou tossir);
  • Gravidez com risco de aborto.

 

Sugestões de livros

A Terapia do Riso: a Cura Pela Alegria, Eduardo Lambert
Vida, Amor e Riso,Osho
O Riso: Ensaio Sobre a Significação da Comicidade, Henri Bergson
Oscarito: o Riso e o Siso, Flavio Marinho
300 Gargalhadas, Edilio Sganzerla


Recomendados

livros recomendados - lista amazon

Comentário(s)

Carregar mais posts relacionados
  • Quem foi Gitta Mallasz?

    Gitta Mallasz nasceu no dia 21 de junho de 1907 e sua existência poderia preencher várias …
  • Sri Aurobindo e O Espírito Revolucionário

    Sri Aurobindo  (1872 – 1950) foi poeta, pensador yogue e mestre espiritual indiano. …
  • Poema de Natal

    Para isso fomos feitos: Para lembrar e ser lembrados Para chorar e fazer chorar Para enter…
Carregar mais em Inspirados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *