Home Consciência Ego – o Falso Centro

Ego – o Falso Centro

1 min de leitura
7
0

O verdadeiro pode ser conhecido somente através do falso, portanto, o ego é uma necessidade. Temos que passar por ele. Ele é uma disciplina.
O verdadeiro pode ser conhecido somente através da ilusão. Você não pode conhecer a verdade diretamente.
Primeiro você tem que conhecer aquilo que não é verdadeiro.
Primeiro você tem que encontrar o falso.
Através desse encontro, você se torna capaz de conhecer a verdade.
Se você conhece o falso como falso, a verdade nascerá em você.

Mensagem de
OSHO, Além das Fronteiras da Mente

[trecho em PDF]


Recomendados

livros recomendados - lista amazon

Comentário(s)

Carregar mais posts relacionados
Carregar mais em Consciência

7 Comentários

  1. KG

    12 de março de 2009 at 23:25

    Sah, adoro Osho!

    Olha como são as coisas… O mundo todo prega que devemos repugnar certos comportamentos, desejos etc. Devemos buscar a evolução; porém, creio que brigar contra a natureza humana não seja o melhor caminho; ficar rezando, tomar banho frio para refrescar as ideias (rsrsrs), ser hipócrita etc. talvez não seja o melhor caminho… Penso que teremos evoluído o bastante, quando nossa Alma, por si só, abrir mão de algum desejo, de alguma necessidade, de alguma necessidade material; quando nos desapegarmos!
    Enquanto não brotar no coração d’alma, tudo o que deixarmos de fazer, poderá, um dia, voltar a ditar regras!

    Somos humanos…
    Osho, sem dúvida, foi um humano Iluminado!

    Bj!

    Reply

  2. [[dbalieiro]]

    13 de março de 2009 at 6:19

    [∞][isso tudo é tão verdade]
    [∞][se vc se interessa pelo tema, e se interessa por física, deveria ler O Tao da Física! ][ Fritjof Capra]

    [∞][beijos Sah!!]
    [[Dani]]

    [PS][acordando][rs]

    Reply

  3. Bohner

    14 de março de 2009 at 11:55

    Uma mentira só é possível com o apoio da verdade. Para a mentira existir terá de se proclamar também verdadeira. A verdade jamais se proclama verdadeira, mas a mentira sempre se diz verdadeira. Ela não pode caminhar nenhuma polegada se não fizer isso. Tem de anunciar aos gritos: “Cuidado! Estou chegando. Eu sou a Verdade!” Leva consigo muitos certificados para provar que é verdadeira.

    A verdade não precisa de nenhum certificado; não precisa apoiar-se em mentiras. Se a verdade buscar o suporte das mentiras terá problemas. Se a mentira não tiver o suporte da verdade, então a mentira terá problemas.

    Reply

  4. Sah Elizabeth

    17 de março de 2009 at 12:41

    KG,

    É, tbm acho.. O dia em que abrirmos mão de uma necessidade nossa em favor do outro, teremos dado um passo importante.

    Abraços!

    Daniel,

    Me interesso sim! :) Até comecei… mas só isso! rs..

    Grande abraço.

    Bohner,

    Deve ser por isso que muitas vezes é mais fácil acreditar numa mentira…

    Reply

  5. Rose Carrara

    17 de março de 2009 at 21:59

    Ola Sah

    Fiquei feliz em ter você como minha seguidora. Adorei seu blog e tenho certeza de que aqui smepre encontramos caminhos de paz e autoconhecimento. Viver plenamente é estar em paz consigo mesmo.
    um beijão

    Reply

  6. Bohner

    18 de março de 2009 at 19:25

    O comentário anterior que fiz também é de OSHO, livro: Dimensões além do conhecido.

    Reply

  7. Oliver Pickwick

    25 de março de 2009 at 4:06

    Ora, ora! A suave Sah Elizbeth, mística e esotérica, utiliza-se neste artigo o mais puro e genuíno cartesianismo.
    Sempre desconfiei que as diferenças são ótimos portais de interação.
    Um beijo!

    Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja Também

Eckhart Tolle elucida sobre a televisão

Para um número significativo de pessoas, ver televisão é algo “…