Home Consciência Carta do Mundo Livre: porque (ainda não) somos livres

Carta do Mundo Livre: porque (ainda não) somos livres

6 min de leitura
0
0

Você está pronto para o próximo passo no progresso da humanidade? Apenas a consciência expandida é capaz de considerar essa mudança de paradigma: um mundo sem dinheiro. É o que propõe a

Carta do Mundo Livre (freeworldcharter.org)

A Carta do Mundo Livre propõe dez declarações básicas que estão em harmonia com a Natureza, senso-comum geral, justiça e sustentabilidade. Na sua essência, estes dez principios orientadores são os requisitos mínimos para a sobrevivência e o progresso.

Os sistemas atuais de divisões econômicas, sociais, ideológicas e fronteiriças são imaginários, e claramente não resultam nem para nós nem para o nosso planeta. Os princípios da Carta, baseados na Natureza, dissolveriam estas barreiras imaginárias com algumas observações básicas do respeito mútuo uns pelos outros e pela nossa habitação terrena.

Quando conseguirmos ultrapassar os nossos métodos antiquados de tomada de decisões através de especulação e ditadura, e removermos as barreiras imaginárias, descobriremos que os nossos únicos problemas são técnicos. Como providenciar para toda a gente e usar o planeta de forma eficiente? Só quando formos livres das nossas ideologias e métodos contraditórios, poderemos verdadeiramente resolver este problema.

A nossa tecnologia está agora a um nível em que podemos facilmente abastecer toda a gente sem necessidade de recorrer a trabalhos pesados. O que pode ser automatizado, sê-lo-á. Não precisamos de dinheiro para construir máquinas, podemos simplesmente construí-las. As tarefas que não podem ser automatizadas podem ser alternadas entre a população, que alegremente dedicaria uma pequena porção do seu tempo a uma comunidade que a sustenta.

Tudo será declarado de uso livre, mas com a compreensão dos limites naturais e técnicos, e respeito pelo bem comum conjunto. Esta compreensão é atingida inicialmente através da educação, e eventualmente por consenso.

Quando as pessoas perceberem que uma sociedade sem dinheiro funciona, naturalmente tornar-nos-emos mais positivos nas nossas ações, mais cooperativos, compassivos e produtivos.

Veja o vídeo:

Acredite. É possível. E é possível se você acreditar, se cada um de nós acreditarmos. Tudo começa com uma ideia, tudo começa em uma crença. Não precisamos mais acreditar nas antigas barreiras que nós mesmos criamos. Somos livres.

Futuro

Estamos num ponto bastante interessante da nossa história. Uma grande era de mudanças está próxima, mas,enquanto muitos tentam manter o velho sistema, as coisas podem piorar antes de melhorarem. Assinar e apoiar a Carta do Mundo Livre pode ajudar a realizar estas mudanças muito mais cedo, mais pacificamente e sem sofrimento desnecessário.

A ideia contida na Carta é simples. É o nosso sistema corrente que é complicado, e o seu desenrolar pode levar algum tempo, mas esta é uma iniciativa paciente, pensada para progredir lenta e seguramente apenas num sentido – em direção à verdadeira liberdade, abundância e sustentabilidade.  – Carta do Mundo Livre

 

Considere também assistir a “Paraíso ou Esquecimento”, um documentário de Jacque Fresco, desenvolvido pelo Projeto Vênus que introduz o espectador a um sistema de valor mais apropriado ao que seria necessário para ativar essa abordagem holística para beneficiar a civilização humana. Esta alternativa supera a necessidade de um ambiente de base monetária, controlado e orientado para a escassez, que encontramos hoje. 

 
Para assinar a carta: http://www.freeworldcharter.org/pt/charter


Recomendados

livros recomendados - lista amazon

Comentário(s)

Carregar mais posts relacionados
Carregar mais em Consciência

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *