Home Amor Água, sabão e amor: Madre Teresa dá o exemplo de imunidade emocional

Água, sabão e amor: Madre Teresa dá o exemplo de imunidade emocional

10 min de leitura
0
0

Saiba porque é importante focar em coisas boas e como ter a proteção necessária para garantir a imunidade emocional

Água, sabão e amor: Madre Tereza: exemplo de imunidade emocional

Água, sabão e amor. Esses três itens básicos devem estar na rotina de todos. A recomendação é de quem passou uma vida inteira cuidando de pessoas doentes e nunca pegou sequer uma infecção: Madre Teresa de Calcutá. Pelo exemplo dela é possível extrair muitos ensinamentos e o maior deles é que o amor pode salvar o mundo. No primeiro momento parece uma solução simplista, mas não é.

Segundo a escritora best seller e palestrante Patrícia Cândido, cofundadora do Grupo Luz da Serra, o AMOR e o MEDO são sentimentos e energias contrárias. Quem está conectado à vibração do amor tem a aura expandida e isso se transforma em uma espécie de escudo. Já quem está vibrando no medo, Patrícia faz um alerta:

“A energia da culpa, do medo e do pânico drena o nosso sistema energético e nos deixa suscetível ao vírus”.

Na prática isso quer dizer que bons sentimentos, pensamentos positivos e evitar o estresse desnecessário contribuem para uma imunidade emocional alta. O que poucos sabem é que essas atitudes também refletem na imunidade física. É comprovado pela ciência que a glândula Timo é responsável pelas defesas do organismo. Falhas no funcionamento desse pequeno órgão, causadas pelo medo, tendem a elevar o risco de infecções e até de doenças autoimunes.

“Já foi provado que o nosso Timo cresce quando estamos contentes, e encolhe pela metade quando nos estressamos e, mais ainda, quando adoecemos. Ter medo nos deixa ansiosos, faz com que não dormimos direito e interfere na nossa alimentação”, endossa o escritor best sellerBruno Gimenes, diretor de conteúdo do Grupo Luz da Serra.

Esse órgão é sensível a imagens, cores, luzes, cheiros, sabores, gestos, toques, sons, palavras, pensamentos. “O pensamento negativo faz com que ele encolha e os sintomas de baixa imunidade aumentem. Tudo o que não precisamos neste momento”, reforça Bruno.

Cuide do seu Timo

Se o Timo é um dos pilares do sistema imunológico devemos cuidar muito bem dele, ainda mais no atual momento. E como fazer isso? A primeira coisa é não se deixar levar pelo medo e emoções intensas: paixões, euforia, obsessão, raiva, fobia e pânico alteram o campo de energia, assim como os pensamentos.

“Vamos supor que o seu campo de energia esteja puro, leve e equilibrado. Mas, num determinado momento, você começa a pensar em coisas ruins e tragédias, o campo de energia se descaracteriza, se dissipa e você já começa a ficar mais fraco”, explica Patrícia.

Por isso, manter o seu campo de energia estável é fundamental. A recomendação de Patrícia e Bruno é não ficar alheio a tudo, mas enfrentar esse momento difícil com amor e estabilidade emocional, ao mesmo tempo que se cumpre as recomendações dos órgãos a respeito da higiene e isolamento.

9 maneiras de manter-se forte emocionalmente 

  1. Apegue-se a sua espiritualidade, seja qual for sua crença. Praticar rituais para conectar-se a um ser superior é um dos caminhos que o ajudam manter-se forte emocionalmente;
  2. Também é importante ter uma visão positiva da situação e auxiliar as pessoas que estão amedrontadas a se recuperarem o quanto antes;
  3. No livro “A oração mais poderosa de todos os tempos”, do Bruno Gimenes, ele ensina que é preciso vibrar com o universo somente coisas boas e agradecer pela saúde sempre;
  4. Procure atividades (mesmo em casa) que te deem prazer. Ao aliviar o estresse, você fortalece a saúde;
  5. Mantenha uma rotina de alimentação e exercícios equilibrada. Vários profissionais da educação física e nutrição estão oferecendo aulas ao vivo pela internet com esse propósito;
  6. Tenha boas noites de sono. Deixe o celular e a televisão de lado na hora de dormir e faça uma limpeza energética;
  7. Evite bebidas alcoólicas e cigarro. Esses dois podem intoxicar seu organismo e te deixar mais debilitado;
  8. Utilize da Fitoenergética (cura das doenças por meio da energia das plantas) para seu equilíbrio e bem-estar. As plantas estão no quintal de casa e podem ser grandes aliadas;
  9. Faça o composto fitoenergético (receita abaixo) para aumentar a imunidade e ofereça para as pessoas a sua volta que estão em isolamento com você, em utensílios separados.

COMPOSTO FITOENERGÉTICO PARA A IMUNIDADE

INGREDIENTES:

  • Jambolão (uma colher de chá)
  • Guaco (uma colher de chá)
  • Tília (uma colher de chá)
  • Hortelã (pode ser substituída por Canela – uma colher de chá)
  • Marmelo (pode ser substituído por Ipê Roxo – uma colher de chá)
  • Pêssego (uma colher de chá – é difícil encontrar chá de pêssego puro, então pode usar ele fresco: pele, semente, lascas da fruta ou qualquer parte do pessegueiro)
  • 200 ml de água aquecida no fogo

MODO DE PREPARO:

Esquente 200 ml de água em ponto de chá – um pouco antes de ferver – em fogo. A água não pode ser aquecida em micro-ondas ou chaleira elétrica e similares. Deve ser aquecida apenas em fogo. Coloque as plantas na água e imponha suas mãos sobre o chá fazendo uma oração de sua preferência ou emanando uma energia de gratidão, imaginando as cores verde e prata. Uma vez ativado, o chá deve ser consumido em até duas horas. Depois disso, a fitoenergia (energia vital das plantas) dissipa e é preciso fazer um novo chá.

Ele deve ser ingerido duas vezes ao dia durante quinze dias, com um intervalo mínimo de quatro horas entre cada dose. Por exemplo, no meio da manhã e meio da tarde.

Tratamento de Fitoenergética para Imunidade


Recomendados

livros recomendados - lista amazon

Comentário(s)

Carregar mais posts relacionados
Carregar mais em Amor

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja Também

5 plantas para melhorar a energia do lar

Veja como escolher as folhagens certas por meio da Fitoenergética para ter um ambiente com…